Adoçante não ajuda a emagrecer, pelo contrário: estudo mostra sequelas sérias

Adoçante pode aumentar o apetite e causar doenças

PAIR SRINRAT / SHUTTERSTOCK

Bastante comum na mesa de quem está de dieta e evitando açúcar, o adoçante de tempos em tempos vira foco de debates e polêmicas sobre sua eficácia e possíveis efeitos colaterais a longo prazo.

E uma nova e abrangente pesquisa publicada pelo Canadian Medical Association Journal traz dados bastante negativos sobre o produto, mostrando que além de não ajudar a emagrecer, ele pode deixar sequelas sérias.


Publicidade